Desafios e perspectivas, aos 30 anos

Mensagem de fim de ano de Marcelo Di Renzo, presidente da ABEU

Em 23/12/2017 23:59

Opinião por ABEU

Desafios e perspectivas, aos 30 anos

A ARIDEZ DO SOLO BRASILEIRO NO MOMENTO PRESENTE SECA A BOCA, CANSA O RITMO DOS PASSOS, NUBLA O OLHAR QUE VAGUEIA A BUSCA DE SINAIS MAIS ANIMADORES, MAS NÃO ESMORECE A ESPERANÇA DE SUCESSO NA EMPREITADA AJUSTADA, NEM TURVA A DETERMINAÇÃO QUE NOS GUIA, ANDARILHOS DA CULTURA EDITORIAL QUE SOMOS. NESTE CENÁRIO, CADA PEQUENA CONQUISTA É UMA FESTA, UMA ALEGRIA SÓ, QUE PRECISA SER GRAFADA ASSIM, EM MAIÚSCULAS, GRITANDO!

Assim sentimos hoje, neste fechar de 2017. Um senso justo coletivo de dever cumprido e euforia emana do que realizamos em período tão turbulento, tempo de contradições econômicas e sociais que afetam severamente as universidades e, por extensão, suas editoras.

Os 30 anos de nossa ABEU, ponto alto e central do sentimento que nos toca e embala a alma, celebram a construção de uma associação voltada ao amadurecimento do fazer editorial universitário, segmento que já foi quase um corpo estranho no mercado editorial brasileiro. Este nicho que ocupamos evoluiu como negócio cultural e logrou constituir-se um protagonista nas políticas do livro e da leitura.

O ano que se finda registra exemplos e ações que atestam termos, como segmento criador e gestor de cultura, muita disposição, energia e criatividade, associada à disciplina necessária ao desenvolvimento da pesquisa científica. Contamos com centros de excelência na produção de novos. Condições vitais ao nosso tipo de negócio. Há muito ainda a ser ocupado pelas EdUs.

A XXX Reunião Anual da ABEU evidenciou a nossa preocupação em desenvolvermos movimentos objetivos de atuação e parceira com outras instituições do segmento educacional e de pesquisa. A conquista do prêmio internacional Reconhecimento Editorial outorgado à professora Flávia Rosa, diretora da Editora da Federal da Bahia, pela Universidade Autônoma do México, repercutiu em todas as afiliadas como a vitória de um time. As diversas ações em favor de um maior relacionamento com as editoras e associações editoriais latino americanas reforçam a percepção de que defendemos a união e a internacionalização como ponte vital aos dias vindouros. A realização bem-sucedida da terceira edição do Prêmio ABEU é o atestado de maturidade que nos coloca em um patamar mais arrojado de qualidade e responsabilidade social. Os inúmeros contatos com empresas e instituições enfatizam que a associação é um canal confiável e maduro para cuidar do interesse coletivo.

Sempre há muito mais a mencionar quando se recorda um ciclo de vida. Soubemos viver 2017 com a dignidade de nossa história e realizações, com união e renovação, em especial no quadro diretivo. Um merecido, vibrante e desafiador brinde às nossas marcas neste chão!

Todos juntos, tim-tim!

 

Marcelo Luciano Martins Di Renzo

Presidente da Associação Brasileira das Editoras Universitárias


Tags da postagem

30 anos ABEU ABEU Marcelo Di Renzo Natal Comportamento Social Autorrealização Deveres e Compromissos retrospectiva 2017