Idealismo e Realismo na Filosofia de Nietzsche

As informações desta página são responsabilidade exclusiva de Editora UNIFESP. Saiba mais

Idealismo e Realismo na Filosofia de Nietzsche Passe o mouse sobre a foto

SINOPSE

“Na leitura que ora apresentamos, consideramos que um dos objetivos do conceito de vontade de potência é a resolução de um problema filosófico que, embora não seja explícito nos textos de Nietzsche, está subjacente a temas centrais da última fase de sua filosofia, como sua crítica ao platonismo e ao materialismo, a sua polêmica com a metafísica e com o senso comum, as suas noções de interpretação e de perspectivismo.

A hipótese que testaremos aqui é a de que, com a vontade de potência, Nietzsche procura superar, ao mesmo tempo, concepções idealistas e realistas do mundo.”

 

Sobre o outro:

André Luís Mota Itaparica é doutor em Filosofia (usp) e professor associado da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (ufrb). É autor de Nietzsche: Estilo e Moral (Discurso/Unijuí, 2001) e coautor de Verdade e Linguagem em Nietzsche (Edufba, 2014).

Informações adicionais

  • Peso: 0,24 Kg
  • Dimensões do produto
    • Comprimento: 14,00 cm
    • Altura: 1,00 cm
    • Largura: 21,00 cm